Construvendas

Entre em contato conosco!

Voltar

Chuveiro elétrico ou a gás: qual o melhor para sua casa?

Publicado por Construvenda,
26 de junho de 2017

Chuveiro elétrico ou a gás: qual o melhor para sua casa?
Uma das maiores dúvidas das pessoas quando estão planejando um novo lar é em relação à escolha de como será o chuveiro: elétrico ou a gás? Nessa hora, o que mais é levado em consideração é o quanto será gasto em cada um dos tipos, mas outros fatores devem ser levados em consideração.

Conheça quais as características dos dois tipos de chuveiro e como escolher o melhor para sua casa.

Chuveiro a gás


A primeira preocupação para quem deseja ter um chuveiro a gás é a necessidade de ter um aquecedor de passagem de gás, que precisará de espaço e terá um investimento para ser instalado.

Também é preciso saber se o modelo de aquecedor escolhido tem entrada para gás natural ou gás de cozinha. O local em que o aparelho será instalado precisa ficar na área externa da casa ou então em um ambiente bem arejado.

Uma vantagem do aquecedor é poder ter a opção de aquecer outras saídas de água, como torneiras. Uma ótima opção para locais em que na maior parte do ano faz frio.

Muitas pessoas temem o vazamento de gás, que pode causar intoxicação ou até mesmo um incêndio. Atualmente, essa preocupação não é mais válida, tendo em vista que os modelos novos de aquecedor vêm equipados com o sistema corta gás, que evita esse tipo de acidente.

Chuveiro elétrico


A maior parte dos lares brasileiros está pronta para receber o chuveiro elétrico. Essa também é a opção mais barata, por não depender da instalação de nenhum outro aparelho, apenas o chuveiro já faz o serviço completo.

Apesar dessa facilidade, existe a preocupação de o chuveiro elétrico consumir muita energia. Isso já foi desmistificado por uma pesquisa da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (ABINEE) que constatou que um chuveiro ligado por 8 minutos gasta R$ 0,22. Impressionante, não?

Chuveiro elétrico ou a gás?


A decisão vai depender da exigência e das necessidades de cada pessoa e de cada região do Brasil. Se no estado onde você reside as temperaturas não forem tão baixas durante o ano, o sistema elétrico dará conta do recado.

Para locais mais gelados, o chuveiro a gás é uma ótima opção, já que é possível regular a temperatura da água diretamente no aquecedor. O único problema é que, depois do chuveiro aberto, leva um tempo para a água ser aquecida totalmente.

Agora que você já conhece as diferenças e vantagens dos dois tipos, ficou mais fácil escolher.

Conte para nós, você prefere o chuveiro elétrico ou a gás?